Fim da revista Tina? Espero que não ~ TMJ do meu jeitoTMJ do Meu Jeito

quinta-feira, 18 de junho de 2015

Fim da revista Tina? Espero que não





Sabe, dia desses a página Turma da MônicaJovem Brasil publicou a notícia de que vão acabar com a revista da Tina. Confesso que fiquei assim meio chateada porque estava acompanhando as histórias e até gostando bastante. O estilo é bem diferente da TMJ, então não esperem aventuras no espaço e nem jumentas satânicas tentando destruir o mundo. É coisa normal mesmo, do dia a dia.

Era legal ver Tina tentando se estabelecer, ter independência e entrar de vez na vida adulta. Estava gostando de acompanhar a história dela e a da Pipa também. Eu até que gostava do estilo do desenho, apesar de não entender muito do assunto.

Sem falar que estava bem satisfeita por terem abordado o assunto do assédio no trabalho, mostrando inclusive o descrédito que as vítimas sofrem (ela é louca, só quer aparecer, é uma doida que levou um fora e não aceitou). Parecia que a Tina estava para iniciar uma espécie de cruzada contra os Voracci.

E de quebra, ela também tinha uma arqui-inimiga ainda que sem saber. Sério, aquela Rúbia era mesmo bizarra, sem noção e chegava a ser assustadora. Pobre Rolo...

Ah, sim... o Rolo. Aposto que muita gente já estava torcendo pelos dois desde os gibis. Já eu prefiro que eles continuem na amizade. Afinal, por que todo relacionamento entre homem e mulher tem que ser romântico? Ambos podem sim ser bons amigos. Não precisa ter essa segregação idiota de “homem só é amigo de homem, mulher só é amiga de mulher”. Para mim não faz sentido algum. Isso sim é estranho.

Eu não sei se é realmente verdade que a revista vai acabar ou se é só boato ou pegadinha. Mas pensando bem... faz bastante tempo que o blog da Tina não é atualizado, desde a páscoa. Nem eu demoro tanto assim!

Se for mesmo verdade, é uma grande pena porque a história seria uma boa novela para o público adolescente. Até os mais novos estavam gostando.

Mas vou ser sincera: apesar de gostar muito das histórias, eu não gostei do formato da revista, que ficou com cara de Capricho (que também vai acabar). Era minha única restrição com a revista e muitas vezes eu tinha a impressão de, a qualquer momento, dar de cara com um “perca 5kg em uma semana” ou “dez dicas de ouro para segurar o rapaz”. Na boa? Eu nem leio as matérias, já que posso encontrar qualquer coisa sobre. Vou direto para a história e fim.

Afinal, eram basicamente matérias sobre moda, comportamento, bandas, receitas caseiras de beleza, rapazes... coisas que eu posso encontrar em qualquer revista feminina por aí. Pelo visto, não estava interessando as garotas e aposto que isso também espantava os rapazes, reduzindo o público-alvo pela metade. Se bem que os garotos em geral não se interessam por histórias onde as protagonistas são mulheres, o que é uma pena, mas com o tempo eles poderiam aprender a gostar se não fosse esse formato de revista feminina. A meu ver, deveria ser algo mais unissex.

Bom, vou aguardar mais um pouco, talvez isso seja só um boato e no fim a revista não acabe. Seria uma pena se a história acabasse assim no meio, com tantos assuntos que ainda não foram resolvidos. Mas francamente... Eles bem que podiam dispensar as matérias, fofocas, coisas sobre moda e deixar somente a história. Seria bem mais proveitoso a meu ver.

2 comentários:

  1. Tb acho, concordo bastante. A história da Tina, Pipa, Voracci, Rúbia, Rolo... era uma trama bem legal e um formato (temporadas. Não matérias) tb...

    ResponderExcluir
  2. Eu não gostei do traço ''Barbie'',se fosse o normal que nem o antigo seria melhor,só acho

    ResponderExcluir