TMJ#70: Nosso Filhote - Críticas ~ TMJ do meu jeitoTMJ do Meu Jeito

terça-feira, 10 de junho de 2014

TMJ#70: Nosso Filhote - Críticas

Oi, gente! É dia da crítica da Ed. 70!

Para começar, eu ainda não sei qual é a intenção da MSP com essa série de histórias sobre o drama da Mônica com o Cebola. Pode ser que tenham resolvido apimentar as coisas para tudo voltar ao normal depois ou então eles decidiram dar um ponto final nesse assunto fazendo com que eles reconciliem de vez e por isso estão dando tantas edições para esses dois. Ainda não há como saber, embora esteja enjoando um pouco.

Mas enfim... sabem de uma coisa engraçada? Antes, os fãs liam as revistas esperando para saber quando os dois iam ficar juntos de vez. Agora parece que estamos em contagem regressivas: a cada nova edição, vamos todos esperar que a Mônica e o DC separem. Sim, porque todos nós já sabemos que o lance dos dois tem data de validade, embora ainda não saibamos qual. Pode acontecer em qualquer edição.

Vamos a história. Se a intenção era mostrar um pouco de como as coisas entre a Mônica e o DC estão desenvolvendo, então acho que conseguiram o que queriam. Ao longo da história, vemos os dois tentando se ajustar um ao outro, já que é algo totalmente novo para eles. DC nunca namorou e Mônica nunca ficou com ninguém além do Cebola.

Logo no início vemos uma espécie de “choque cultural” entre eles, já que os dois não curtem as mesmas coisas. Só que DC ainda não se deu conta disso ao tentar fazer a Mônica gostar de um filme chato “ucranoviano” (juro que no início, li ucraniano). Se bem que não há como gostar de um filme com mais de seis horas de duração, dá? Só ele mesmo! Se bem que alguns filmes europeus são legais e não tem essa chatice toda. São apenas diferentes dos americanos.

Dá para ver que eles ainda estão se conhecendo, porque tem coisas que a gente só percebe quando convive com a pessoa por mais tempo.

E para ajudar a testar um pouco a nova relação deles, aparece um bichinho estranho na porta que, segundo a Magali, é pura fofura concentrada. Claro que a Mônica curtiu um monte, mas o DC prefere coisas pouco convencionais. Nesse início, eu achei que ele foi meio pentelho com essa mania de querer tudo diferente e fora do normal. Haja paciência, não é? Isso pode ser um problema no futuro.

Durante boa parte da história (grande parte, eu acho), os dois passaram por dificuldades para cuidar do bichinho, a começar pela escolha do nome. DC queria coisas bizarras, Mônica escolheu algo mais simples: Fofenho. Confesso que até gostei.

Agora, hilário mesmo é quando eles discutem a respeito do nome até chegar ao ponto em que ele fica sem saber o que falar diante da braveza dela e acaba concordando que Fofenho é um nome lindo e depois percebe que ficar com a Mônica não é nada fácil. Hahaha, ele não vive enchendo a boca para falar que não gosta de nada fácil? Vamos ver se ele vai gostar da dificuldade agora!

Não que eu esteja torcendo contra eles, nada disso. Só achei a cena hilária, especialmente a última parte em que só aparece rabiscos no balão porque ele já não tinha mais argumentos.

E uma coisa que me surpreendeu foi ver cenas de beijo entre eles na história, coisa que eu nem esperava porque achava que eles só estavam tipo se conhecendo e tal. Parece que a coisa está mais séria do que pensamos, porque deram a entender que eles já estão namorando mesmo.

Apesar dos erros e tropeços, eles até que se saem bem cuidando juntos do Fofenho. Foi tipo cuidar de um filho, sendo que os pais têm cabeças diferentes e cada um quer educar de um jeito. Quando o Fofenho agarrou o nariz do DC também foi muito engraçado. Ainda bem que ele é paciente e sabe levar essas esquisitices numa boa.

Aliás, no início ele nem ficou muito empolgado com o bichinho porque parecia normal demais. Depois acabou se afeiçoando por causa das suas peculiaridades. É... ele tem a cabeça virada mesmo. Acho que o Cebola não teria tido essa mesma paciência.

Uma cena que me confundiu um pouco no início foi quando o Monicão tentou atacar o Fofenho e acabou parando em cima do lustre. Na hora eu achei que ele tinha sido arremessado ali por uma explosão e até fiquei com pena do coitado. Ainda bem que não foi nada disso.

O mistério começa a aumentar um pouco quando o estranho agente aparece procurando pelo Fofenho e cheguei a pensar que fosse algum vilão ou alguém que queria capturá-lo para fazer experiências, coisas do gênero.

Depois, mais e mais páginas com os dois cuidando do Fofenho, mas foi legal quando eles resolveram contar para Luisa que tinham um filhote e ela desmaiou porque entendeu errado. Boa sacada essa!

E finalmente eles saíram de casa, porque já estava ficando chato os dois brincando de casinha com o bichinho. Só que ao invés de coleira, o DC resolveu inovar usando um carrinho de bebê. Ele é mesmo diferente dos outros, porque nenhum rapaz em sã consciência faria algo assim porque costuma ser muito queima-filme. Pelo menos vemos aparecer outros personagens como o Cascão zoando do DC, Denise tirando fotos e Magali achando que eles estavam fazendo planos cedo demais.

Mas quando descobrem que tem alguém procurando pelo Fofenho, DC se mostra totalmente contra (novidade) em entregá-lo, porque tinha se apegado muito e também porque não achava que a pessoa não gostasse do Fofenho tanto quanto eles. Pois é. Deixar ir quem amamos não é nada fácil. Muitas vezes o apego nos torna meio egoístas e queremos ficar com o ser amado a qualquer custo.

Até aqui a história foi legalzinha, mas tediosa. Pelo menos eles quebraram um pouco o tédio mostrando mais movimento e ação na parte final com o bicho enorme atacando o parque. Aí descobrimos quem é o tal agente secreto e por que estava procurando o Fofenho: para dar de lanchinho ao bicho enorme. Nada fofinho, se querem saber.

Depois de algumas cenas com a Mônica sendo atingida por raios tentando proteger o Fofenho e o DC brigando com o agente para que ele não fosse entregue ao “predador”, finalmente ela percebe que não era nada disso o que estavam pensando. O bichão era a mãe do Fofenho procurando pelo filhote e por isso não representava ameaça a ele.

Quando tem seu filhotinho de volta, ela se acalma e resolve ir embora. o agente fica admirado ao ver que os dois jovens tinham trabalhado melhor do que ele e até ficou a promessa da tal D.I.N.A.M.I.C.A. aparecer no futuro. Quem sabe? Até que seria legal os dois como agentes secretos.

O que eu achei fofo nisso tudo foi o DC ter dito que amava a Mônica por ela ser tão diferente e fora do comum. Diferente do Cebola, que só olha os defeitos dela, o DC percebe melhor suas qualidades.

O fim da história foi legal, deixando uma mensagem interessante: “isso é o melhor que podemos fazer por quem amamos: ajudar a serem felizes”. Parece não ter nada a ver, mas de repente é isso que o DC pode acabar fazendo no futuro caso ache que o melhor para a Mônica seja ficar com o Cebola. De repente, ele mesmo pode acabar ajudando na reconciliação dos dois. É só um palpite, né? Ainda é muito cedo para dizer já que no final a próprio Mônica perguntou se a experiência deles de cuidar do Fofenho não seria um ensaio para o futuro.

Claro, a MSP está tentando nos confundir um pouco, dar tipo uma incerteza mas para mim não está dando certo. Todos sabem que no fim a Mônica vai é ficar com o Cebola mesmo porque eles não vão ter coragem de ir contra a grande maioria dos fãs que querem ver os dois juntos.

Bom... eu diria que a história foi assim meio fraquinha. O Mauricio, ou quem determina o tema dos roteiros, deveria ter dado um tema melhor melhor. De que adianta os roteiristas terem talento se não podem trabalhar livremente para criar histórias legais?

Tá, eu entendo que o objetivo maior foi mostrar como anda o relacionamento dos dois, alguns testes, dificuldades de adaptação, etc. só acho que teria sido melhor se tivessem feito isso de forma mais... emocionante. Talvez eu seja muito reclamona. Ou talvez só esteja meio enjoada de estarem focando demais nesse assunto e esquecendo outros temas e personagens. Mas parece que querem resolver tudo de uma vez e acabar com isso, sei lá.

Ah, claro, muita gente deve ter dado falta do Cebola. Acho que por enquanto foi melhor assim, porque o foco era apenas nos dois e adicionar o Cebola ia complicar mais ainda. Ou pelo menos dar um pouquinho mais de emoção.

Ai, ai... não sei se a crítica ficou boa porque a história não me inspirou muito. Bem, pelo menos cumpriu seu objetivo e vamos ver como as coisas ficarão entre a Mônica e o DC no futuro. É claro que aos poucos o relacionamento deles vai azedar por causa das dificuldades. Ao que parece, o DC não sabe ser muito flexível e tem a tendência de impor seu jeito de pensar e querer as coisas do seu jeito. A Mônica também é assim, mas também sabe ceder.

Com o tempo ele vai perceber que apesar de ser uma garota diferente em muitos aspectos, ela é basicamente como as outras e gosta mais das coisas convencionais. Nem sempre ela vai querer ver filmes europeus de seis horas de duração ou terá paciência com suas pentelhices de sempre querer tudo diferente e ao contrário.

E ela vai perceber que não curte as mesmas coisas que ele. Diferenças podem ser bem conciliadas se o casal entrar num acordo, mas é preciso que o casal também tenha coisas em comum para curtirem juntos sem problemas. Senão a vida fica difícil porque para agradar a um, terá que desagradar ao outro e não dá para viver assim por muito tempo.

O futuro dos dois vai depender do que os fãs querem. Se uma quantidade muito grande e significativa quiser que fiquem juntos, então essas diferenças serão ajustadas e tudo vai ficar bem. Mas se ainda quiserem que ela fique com o Cebola, então não tem jeito. eles vão terminar e tudo irá voltar ao status quo.

Para terminar, eu fiz algumas coisinhas para vocês. Além da imagem, quebra-cabeça e png, também fiz mais três jogos diferentes. Um é um caça-palavras com três níveis de dificuldade usando palavras-chave que fui tirando da história. Algumas palavras estão na diagonal e de trás para frente, então vai ser preciso procurar muito bem. Nesse jogo, posicionem o mouse no início da palavra, cliquem com o botão direito e vão arrastando até o fim da palavra. Quando a palavra for marcada com verde, ela será riscada da lista.

Outro é um palavras-cruzadas para ver se vocês prestaram bem atenção na história. Será que conseguem resolvê-lo sem colar da revista?

O terceiro é um jogo de sete erros. Está na fase beta e ainda pode ter alguns erros, então se algo der errado, não deixem de me avisar!



E quem quiser ver outra opinião sobre a história, tem também um vídeo no Youtube com a crítica da ed. 70:


31 comentários:

  1. Essa novela ainda está longe de acabar...

    ResponderExcluir
  2. Confesso que ainda estou em dúvida quanto às intenções da MSP. Será mesmo que não terão coragem de desafiar a massa de fãs Cê/Mô? Pelo andar da carruagem, fico com a impressão de que eles querem mesmo deixar a Mônica com o garoto que contraria. Se eles mostram o quanto os dois aceitam um ao outro como são, em contraste com o atrito que Mônica e Cebola tem, qual o sentido de fazer o casal clássico voltar, além do fato de serem clássicos?

    Não ficaria surpresa se a dentucinha e o garoto do contra ficassem juntos definitivamente, mesmo sendo altamente impróvavel.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade. Mostrar o "casal prometido" tretando o tempo inteiro é forçar a barra.
      Cadê a união, o amor e essas coisas?

      Excluir
    2. Eu acho assim: o Maurício não é nenhum bobo.Ele sabe que a maioria dos leitores quer a Mônica com o Cebola e sabe tbm do impacto que esse namoro dela com Do Contra está causando nos fãs. Se ele colocou a Mônica pra namorar o DC, ainda que por um tempo, com certeza ele sabe muito bem o que está fazendo.

      Excluir
    3. No fim das contas, esse lance é pra vender revistas, enrolar a reconciliação da Monica com o Cebola sem que os fãs fiquem de saco cheio e parem de comprar revistas e tb dar os pró-DC um gostinho dos dois namorando por um tempo.

      Por causa dos 50 anos de história e tudo mais, é pouco provável que coloquem a monica com outro rapaz. Muita gente já falou que se isso acontecer, toda história da TM será jogada no lixo, a infancia deles será destruída, mimimi, nhenhenhe... e os que pensam assim por enquanto são grande maioria. Se pararem de comprar revistas, a TMJ acaba.

      Excluir
    4. Apesar de todas as dificuldades e os pró- Cebola serem maioria, ainda acho que Monica e DC poderão viver um relacionamento legal, e que não termine por motivos bestas. Que seja bom enquanto dure, né?
      A gora, quanto a estragar a infância, o Mauricio falou no "Fala Mauricio" ( não lembro de qual edição) que quando a Turma Jovem foi lançada, muitos protestaram, reclamaram, tbm falaram que ia estragar a infância, etc. e no entanto a revista foi lançada, caiu no gosto popular e não acabou com a infância de ninguém. Pelo menos, não de quem é normal.
      E se a intenção da MSP é de enrolar a reconciliação da Monica com o Cebola, é melhor o namoro dela com DC continuar, pois, se o namoro deles acabar, essa enrolação vai continuar do mesmo jeito. (Isso é uma opinião minha).

      Excluir
  3. sem querer mudar o tema mas, e suas fanfics??? eu to com saudades das suas historias (desculpe se estar mal escrito eu so do chile)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu ainda não estou conseguindo ter inspiração, ai que tristeza! E não esquenta com o português porque pra mim o importante é entender o que a pessoa escreve. O resto eu nem olho porque tb erro bastante.

      Excluir
  4. Uma edição bobinha, mas q gerou pulinhos queima-filme meus aqui. Eu tb achei a história um pouco entediante no começo, mas depois foi melhorando. As cenas do casal foram tão fofas, cada vez eu amo mais o Do Contra *-*
    E é verdade, só de saber q a relação deles é uma bomba relógio já parte o coração T.T
    Mas pelas edições 68 e 69 eu percebi uma coisa. O Maurício (ou a equipe) realmente lê a opnião dos fãs. Quer dizer, muita coisa apresentada nessas edições eram tópicos q eu já vi a ser discutido entre os fãs. E não só os fãs de Ce x Mô, todos nós. Talvez isso contribua para que se crie uma linda história entre os dois, não apenas "Pronto, deu o q tinha q dar, agora cada um volta p seu canto e Mônica volta p Cebola".
    Quanto ao final, ainda estou engolindo. Quer dizer, foi uma tacada de Einstein a Mô ter percebido q o cachorrão gigante era a mãe do gatinho cuti-cuti (se bem que, analisando, nenhum predador gasta tanta energia atrás de uma única presa).
    O momento do "mãe, temos um filhote" foi hilária, meio clichê, mas muito divertida.
    Foi fraquinha, mas eu gostei bastante. Estou ansiosa p próxima edição, quero ver o lado do Cebola, quero ver ele crescer agora.
    Agora, fiquei curiosa, será q aquele filme ucranoviano de 6 horas realmente existe? (Levando em consideração q os roteiristas gostam de colocar coisas reais nas histórias da turminha)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pelo menos eles mostram se importar com a opinião dos fãs agora, porque antes pareciam nem ligar. Espero que saibam aproveitar o namoro da monica com o DC e façam algo legal, mas tb seria bom se focassem em outros personagens ao invés de tentarem resolver tudo de uma vez.

      Quanto ao filme, tem um que é ucraniano chamado "o palhaço e o rei", onde o palhaço tem que fazer o rei rir pra salvar a propria pele. É o mais proximo que achei. É capaz desse ucranoviano ser uma variação de ucraniano, algo que lembre aqueles países longínquos da Europa que quase ninguem conhece.

      Mesmo depois dessa história, ainda sou meio desconfiada com o DC por causa dessa mania de querer contrariar e ter tudo diferente. Parece que ele não é lá muito flexível e tem a tendencia de impor seu ponto de vista. Isso pode ser um problema.

      Excluir
  5. Acho que o namoro deles vai acabar antes de setembro pq em setembro e outubro já tem HQ confirmada do emerson e ele disse q o DC n vai aparecer na HQ dele então acho que eles vão terminar antes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim é verdade Daniel, mais o Emerson disse também que a Monica não será protagonista, e que nao aparecera muito, entao acredito que possa haver uma ligaçao, mesmo nao torcendo pelo casal MoxDc acho eles um casal fofo....mais a Monica vai ficar com o Cebola isso é fato!

      Excluir
  6. Pra mim a MSP só vai deixar os dois juntos enquanto os fãs quiserem. Todo mundo está gostando é claro, mas tem muita gente que vai ficar revoltada porque a Mônica não se humilhou e voltou pro Cebola, provavelmente o namoro dos dois nem deve passar desse ano, seria um passo muito arriscado para a MSP.

    ResponderExcluir
  7. Pra mim a MSP só vai deixar os dois juntos enquanto os fãs quiserem. Todo mundo está gostando é claro, mas tem muita gente que vai ficar revoltada porque a Mônica não se humilhou e voltou pro Cebola, provavelmente o namoro dos dois nem deve passar desse ano, seria um passo muito arriscado para a MSP.

    P.S: Eu havia comentado isso acidentalmente com a conta da minha irmã.

    ResponderExcluir
  8. Eu sempre achei que o romance do DC e da Mônica não duraria muito(por motivos óbvios) mas depois dessa edição percebi que o DC realmente ama ela e não está só com ela por que ela é uma garota dificil e até a mônica aparentou estra realmente gostando do DC, ainda acho que uma hora ela e o Cebola irão voltar, mas eu acho que pode ser que demore mas umas 5 edições mais ou menos ao contrário do que eu achei que nem duraria uma edição, acho que a MSP está indo na onda dos fãs e que se as vendas abaixarem eles voltam mais cedo que o planejado com Mô e Cebola mas se forem boas eles continuam enrolando e Mô e DC (o que eu prefiro acho o DC bem mias digno que o Cebola).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  9. Bem,não tenho muito o que falar da edição.Mas até que eu gostei, era uma edição que eu não tinha expectativa alguma,mas o final salvou um pouco a historia então foi um pouco mais do que eu esperava.Foi bonitinho os dois cuidado do Fofenho(huahauhauah ri pakas com o nome) e foi mais fofo ainda os dois bancando os pais.Em geral achei uma edição um pouco monotona mas bastante leve,não achei que o romance dos dois ficou tão focado quanto a MSP costuma fazer,ele fluiu bem durante a historia sem ter sido muito forçado por isso gostei,ia ser bem melhor se fizessem isso e colocassem ação no meio,ia dar um bom equilibro as coisas.
    Quanto a próxima edição...eu quero que o Cebola chore muito pelo leite derramado huahauahuahua,é justo que seja a vez dele.E POR FAVOR!! que a MSP não faça que a Mônica volte toda arrependida para ele, se ela terminar com o Dc que vá se descobrir e praticar atividades que goste como a Aninha, e que se um dia ela voltar para o Cebola( que infelizmente vai) que seja por cima,feliz e satisfeita consigo mesma.

    ResponderExcluir
  10. Oi Mallagueta sou Eu TmjLover lembra? Só mudei de user! Então, Eu ando meio desatualizada Em relação a tmj, Então n to entendendo: a Mônica tá ficando Com o DC?? 'O'

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo começou na ed. 68, quando cansada de tantas cebolices a Monica finalmente deu um chute no Cebola e lascou um beijo no DC.

      Na ed. 69 ele tentou consertar as coisas fazendo mais cebolices e quebrou a cara no final. Agora a Monica tá namorando o DC.

      Se vc ler as críticas dessas duas edições, vai poder se atualizar um pouco.

      Excluir
  11. Eu sou #teamCebola, mas se a Mônica ficasse com o DC porque é melhor pra ela, ok. Pra mim, depende do que for melhor pra Mônica, apesar de torcer mais para o Cebola. Não espero que ela termine com o Do Contra por motivos bobos (tipo Ângelo e Nina, edição #46), e, se for voltar para o Cebola, que não seja porque terminou com o DC. Que seja porque ela acha que ele é o melhor pra ela. Aí sim. Crítica nota 10!

    ResponderExcluir
  12. Bem... por eu ser totalmente team DC, não sou muito apta a falar mas eu tenho certeza de que os team DC não perdem muito em numero para os do Cebola se é isto o que mais pesa quando pensamos com quem ela vai ficar. Pelo que podemos ver no facebook, Twitter, blogs, fanfics eu diria que os team DC são em grande numero e tambem são muito barulhentos, esta é a verdade que o team DC esta cada vez maior.
    Eu tambem acho que o tio Mauricio ou quem quer que seja sabe muito bem o que faz, deve ter pensado nos prós e contras, deve ter chegado numeros e etc para tomar esta decisão assim e continuar com ela. Eu acho que eles realmente estao apostando na dentucinha e no contrariado e nao estao se arrependendo.
    Acho que o Maurício quer nos fazer esquecer do casal MonicaxCebola para criar uma amizade muito bonita em torno disso que é como tem que ser, acho que os dois se saem muito melhor como amigos do que como namorados. Mas esta é so a minha opinião, claro que tenho muito mais o que dizer mas este comentario esta se tornando grande demais. Beijo, Mallagueta. Suas criticas sao muito sensatas e eu me importo demais com o que você acha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, fico feliz que tenha gostado das críticas. Se isso vai ou não pra frente, só o tempo irá dizer. O jeito é esperar pra ver como as coisas evoluem. Eles tb devem estar estudando a reação dos fãs pra ver qual o próximo passo a tomar, se é que pretendem levar isso em consideração.

      Por enquanto, só podemos esperar. Pelo menos saíram da maldita mesmice de Cebola aprontando e Mônica chorando.

      Excluir
  13. eu sei que você usava/conhecia a MQTM, então, poderia nos ajudar para pedir a sua volta? :( é só assinar/ divulgar a petição. https://www.change.org/pt-BR/peti%C3%A7%C3%B5es/maur%C3%ADcio-de-sousa-voltar-a-m%C3%A1quina-de-quadrinhos

    ResponderExcluir
  14. Desculpa dizer... mas eu achei Nosso Filhote A Pior Edição Do Ano. Eles misturaram fantasia com roteiro de Malhação, deixaram a gente segurando vela do casal e encheram linguiça no meio da HQ. Sim o final foi melhor, mas quando eu vi aquela página em que a mãe do filhote deixa ele na porta da Mônica dentro de uma cesta eu quase joguei a revista pela janela, foi a coisa mais ridícula que eu tive que engolir (pena que revistaria não aceita devoluções) sem contar que eles voltaram a fazer desenhos horríveis. Por favor msp, dê férias pra Petra, ou deixe ela cuidar do Chico Moço, porque ela se saiu mil vezes melhor com ele.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O problema não é a Petra. Eles limitam demais o trabalho do roteirista na hora de fazer a TMJ e sai esses draminhas chatos que a gente vê. Não adianta nada o roteirista ter uma idéia excelente sendo que a direção só manda fazer essas porcarias de histórias.

      Excluir
    2. É aquela história da imagem imaculada que o Mauricio tem da turma da Mônica, eles não podem fazer nada muito "radical" porque seria um absurdo envolver a Mônica em coisa mais forte, como se adolescentes fossem 100% bonzinhos como os personagens. É tudo muito politicamente correto e nós sabemos que a vida não é assim.

      Excluir
  15. Eu achei essa história mediana. Não é lá essas Coca-cola todas, mas tbm não é das piores. Eu gostei de ver as cenas de beijos na revista, claro que muito romance acaba enjoando, mas sinceramente, eu prefiro 1000 vezes ver beijos do que aquelas brigas sem fim entre a Mônica e o Cebola que tinha antigamente. O que eu não gostei foi da arte, que beijo mal desenhado foi aquele da pág. 60? Pelamor!!!! A arte da edição passada foi bem melhor! Aliás, a TMJ já foi bem melhor!

    ResponderExcluir
  16. Eu até que gostei dessa edição... Se bem que em algumas páginas da edição ficaram mal desenhadas. Ei, queria te perguntar uma coisa: você sempre disse que não apoia o Cebola ou o DC com a Mônica. Se a TMJ não acabasse com a Mônica e o Cebola juntos, você apoiaria o casal DCxMô? Suas opiniões sobre as edições são ótimas :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Confesso que por enquanto, mantenho um pé atrás com o DC por causa dessa mania dele de contrariar. Ele tem certa tendência a querer tudo do seu jeito e parece não saber ceder. A Monica tem o jeito difícil dela, mas sabe ceder e recuar, coisa que no momento ele parece não saber.

      Então, no momento, ainda não apoio o DC.

      Excluir
    2. Mas, ainda assim, eu acho que a Monica está bem melhor com DC do que com Cebola.
      E pela sinopse da edição 72, parece que finalmente, não vão focar no drama sentimental da Monica. Aleluia!!!!

      Excluir
  17. olha gente vou comentar uam coisa eu sou a favor de MôeCÊ . bom mais vou dar uma opniao gente ja deu to cansada de ver ediçao dividida saber olha eu consideraria essa ediçao a pior de todas mais pra mim a pior foi a ediçao 69 nao so porquer nao gosti do final mais porque os personagem tavam totalmente fora de suas personalidades e pra falar a verdade achei a magali bem dicimulada que na minha opniao ela devia ter deixado o cebola a monica e o do contra resolverem sozinho e nao ela se intrometer ficou tao forçado e pra falar a verdade eu lir a previa da ediçao 71 e como sempre ate nas previas na penulima pagina mostra o quevai rolar na proxima ediçao na ediçao 72 monica e maria mello vao se encontra co idolo babvy nao sei o que la pra mim jaa fiqui de saco cheio com ediçoes divididas parece que cada revista ou e o cebola ou a monica que protagonisam assim ficam chato eu queira a turma toda ne um so ediçao como era antes e nao essa coisa melo e depre

    ResponderExcluir