TMJ#72: Meu ídolo - palpites ~ TMJ do meu jeitoTMJ do Meu Jeito

sexta-feira, 18 de julho de 2014

TMJ#72: Meu ídolo - palpites



O tempo passa depressa, viu? A capa da Ed. 72 já saiu e daqui a pouco chega as bancas. No início, não fiquei assim muito empolgada. Quer dizer, Mônica e Maria Mello ganham um concurso e o prêmio é passar um dia com seu ídolo adolescente, Juninho Baby. Sério mesmo que alguém teria coragem de usar esse nome queima-filme?

Se bem que vão dar algum destaque a Maria Mello, então vou tentar não reclamar muito. Afinal, todos estávamos pedindo que aparecessem mais personagens secundários, né?

Depois de pensar um pouco, eu comecei a achar essa Ed. meio familiar. Aí eu lembrei do episódio de um desenho chamado “hey Arnold”, que passava no canal pago Nickelodeon e eu adorava muito. O nome do episodio é “grito de pré-adolescente.” Vou tentar explicar mais detalhadamente porque sei que nem todo mundo conhece esse desenho.

Nesse episódio, há um cantor muito popular entre os adolescentes chamado Ronnie Matthews, um cara bonitão, famoso, cantava super bem e tocava guitarra. Todas as garotas babavam por ele. Especialmente uma chamada Phoebe, que escreve uma carta para um concurso e ganha. O prêmio são dois ingressos para o show do Ronnie e a chance de passar um tempo com ele. Então Phoebe convida sua melhor amiga, Helga, para conhecer seu ídolo.
´
Até aí vocês podem ver as semelhanças, né? Pode acontecer de Mônica ou Maria ganhar o concurso e os dois ingressos, mas também pode ser que elas participem juntas, o que é uma surpresa porque geralmente Mônica faz essas coisas com a Magali. Mas parece que ela é bem próxima da Maria também.

Continuando, elas assistem o show e quando acaba, vão visitar o Cantor em seu camarim, que as convida para irem a uma lanchonete. Conversa vai, conversa vem, Phoebe vai percebendo aos poucos que ele não passa de um sujeito arrogante, narcisista, que só pensa em gastar dinheiro e comprar coisas. Ele também é extremamente vaidoso, preocupado com a aparência e sentia necessidade de ter seu ego massageado o tempo inteiro.

Mas essa não é sua maior decepção. No fim, ela descobre que além de não compor as músicas que cantava, ele sequer cantava. O sujeito apenas fazia playback. Ou, nas palavras dele, apenas mexia seus belos lábios enquanto outra pessoa cantava. Uma farsa total.

Para quem quiser dar uma olhada, pode assistir aqui http://xdvideos.blogspot.com.br/2012/10/oye-arnold-grito-de-pre-adolescente.html. Mas infelizmente não consegui em português, só em espanhol. Acho que vai dar para vocês pegarem pelo menos o principal.

Bom, é basicamente esse meu primeiro palpite sobre a história: elas vão descobrir que o bonitão é uma farsa, nem canta as próprias músicas e faz sucesso à custa de outra pessoa. No desenho, cada um seguiu seu caminho e o cantor nunca foi desmascarado. Mas pode ser que isso aconteça na TMJ.

Sei que estou extrapolando um pouco, mas caso o sujeito seja uma farsa, então é provável que seja desmascarado. Pode ser por elas ou pelo próprio DC para dar uma lição nelas. Tipo, a Mônica briga com ele por causa do ídolo, mas descobre que ele não vale nada e acaba voltando toda arrependida. Aí o namoro segue numa boa ou se desgasta mais e caminha para o fim.

Essa pode ser tipo aquela história com lição de moral: nem tudo é o que parece. Ou nem tudo o que reluz é ouro. Algo assim. Interessante, até.

Esse seria um desfecho previsível, mas pode ser que resolvam nos surpreender. Tem um filme da Disney chamado “presas no subúrbio”, onde duas adolescentes acham o celular do ídolo delas e acabam bagunçando a vida dele. Só que diferente do desenho, o rapaz era meio que oprimido, não tinha liberdade para cantar do jeito que gostava. Quer dizer, toda aquela pose e aparência eram apenas fachadas que ele nem gostava realmente. No caso do filme, ele era gente boa.

Nesse caso, elas acabariam descobrindo que por debaixo de todo verniz de super-star, existe uma pessoa sensível que não suporta mais tanta pressão. Essa seria uma forma de nos surpreender.

Agora, dizem as más línguas que esse suposto ídolo pode ser o DC disfarçado. É doideira, mas vi uns boatos aqui e ali no facebook sobre isso. Doideira, eu sei, porque isso seria tipo o DC levando uma vida dupla. Só mencionei aqui como uma curiosidade mesmo, porque o pessoal também gosta de especular e dar palpite.

Fora isso, quem mais esse Juninho Baby (pfff!) poderia ser? Um plano do Cebola para separar a Mônica do DC? Algum vilão querendo fazer uma armadilha para a Mônica? Ou na verdade é uma garota? Hahaha, sério! Acho que a única forma de me surpreender é ele, na verdade, ser ela. Tá, é zoação. Dificilmente a MSP ia fazer uma história desse gênero. Ele deve ser um garoto mesmo.

E se fosse algum personagem que não aparece há tempos, tipo o Humberto? Vi uma imagem no facebook onde comparava os dois e o Humberto também tem um topetinho. Até que seria bem legal se ele finalmente aparecesse.

Vocês devem estar se perguntando: como vai ficar o DC nessa história? Vai ficar com ciúme? Vai achar ruim de ela babar por um cantor da moda, convencional e fabricado pela mídia com fins comerciais? Sim, porque ele não é de jeito nenhum o tipo de cantor capaz de conquistar a admiração do DC. Será que eles terão a primeira briga nessa história? Será o início do fim? Ou será o fim propriamente dito? Será que o Cebola vai aparecer para tentar conquistar a Mônica? Uma estratégia que ele pode usar é mostrar a ela que os dois curtem as mesmas coisas, enquanto que com o DC ela tem que acabar assistindo filmes chatos europeus.

Lembrem-se de que apesar de eles estarem curtindo o namoro, Mônica e DC não curtem as mesmas coisas e tem gostos muito diferentes e isso pode se tornar ainda mais evidente nessa edição. A Mônica já se mostrou disposta a ver os filmes que o DC curte, mas ele não quis fazer a mesma coisa por ela. Se eles não souberem administrar essas diferenças e entrar num acordo, eu não vejo futuro para o namoro deles. Quer dizer, pessoas com gostos diferentes podem conviver numa boa, só que precisam ter maturidade para se respeitarem e também procurar pontos em comum, coisas que ambos curtem. E, claro, um não pode querer mudar o outro para deixar do seu jeito. Isso só desgasta a relação e traz sofrimento.

Uns acham que a Mônica vai ficar para valer com o DC e nunca voltar para o Cebola. Outros acham que mais cedo ou mais tarde, eles vão terminar e ela ficará com o Cebola. Confesso que eu voto na segunda opção. Eu não torço por ele, que fique claro, mas reconheço que existe uma história muito grande por detrás desses dois e uma legião de fãs considerável que quer vê-los juntos. É como se tudo caminhasse, desde os gibis, para que eles ficassem juntos. Mudar assim no meio do caminho pode ser complicado.

E falando em complicação, quando eles vão se encontrar? Na boa, a MSP não pode mantê-los separados para sempre, senão vai ser o fim da turma da Mônica. Eles são o quarteto principal da revista, melhores amigos. Sei que seria bom focar em outros personagens, mas os quatro também terão que voltar a aparecer juntos algum dia, certo? Não pode ficar assim para sempre.

A capa ficou bonita, apesar de não ter entendido por que diabos os olhos da Maria Melo estão azuis. Mas ainda assim ficou bom e o rapaz até que é bonitão, apesar de muita gente achar que ele se parece com o DC. Vocês acham que parece mesmo? Eu não vi semelhança nenhuma.

Bem... acho que meus palpites para a Ed. desse mês são só esses. Acho que se não tivesse lembrado desse episódio do “Hey Arnold”, nem ia ter muita coisa para falar porque a história em si me pareceu muito morninha. A não ser que eles tenham alguma grande surpresa reservada para a gente, algo que vai nos deixar de queixo caído. Um pouco de otimismo não faz mal a ninguém né?

7 comentários:

  1. Juninho Baby seria uma paródia do Justin Bieber?

    ResponderExcluir
  2. E sobre esse Juninho ser parecido com DC, os personagens da MSP tem sempre a mesma estrutura então não é difícil serem muito parecidos XD

    ResponderExcluir
  3. Na verdade Mallagueta, você se confundiu.Não estão falando que ele parece tanto assim com o DC, e sim com o Cebola.Eles dois, o Cebola e o Juninho Baby, são muito parecido.Assiste ao vídeo do canal do Youtube Opinião TMJ e você irá ver ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não existe semelhança entre eles. O cara da capa tem o rosto mais esguio e nariz pontudo, enquanto o cebola tem aquele nariz redondinho e a cara também. Para mim as características do cantor são mais parecidas com a do Do Contra, apesar de não achar que ele é alguém disfarçado.

      Excluir
  4. Se for pra o juninho ser alguém, acho que ele é o Dc por que o Cebola tem um nariz mais arredondado como uma batatinha (desde a turminha, o nariz da Mônica, da Magali e do Cascão era um triangulo sem base e o do Cebolinha/Cebola sempre foi redondinho) e o do Dc é mais pontudinho. A sobrancelha do Cebola e do Do Contra é parecida então...

    ResponderExcluir
  5. Magalleta quando você vai postar uma nova fanfic?

    ResponderExcluir