TMJ#55 - Meu futuro: palpites ~ TMJ do meu jeitoTMJ do Meu Jeito

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

TMJ#55 - Meu futuro: palpites





Já saiu a capa da TMJ desse mês. Parece que a Mônica vai tentar decidir sobre o que vai querer ser no futuro. Sabe... confesso que fiquei bem curiosa. Não sei se mais alguém reparou, mas parece que a Mônica é a única dos quatro que ainda não mostrou sua vocação.

Quer dizer, o Cebola é vidrado em jogos e tecnologia. E olhando a Ed. 48, parece que ele irá se especializar em nanotecnologia. O Cascão nós já vimos que gosta de esportes e é bem provável que acabe se tornando jogador de futebol. A Magali, se eu não estiver enganada, parece que quer fazer nutrição. E a Mônica?

Já vi em algumas edições que ela gosta de interpretar, mas fora isso não vi nenhuma outra vocação. Talvez porque ela ainda não tenha desenvolvido totalmente suas vocações ou ainda não saiba do que gosta de fato. Nem todo mundo consegue descobrir suas vocações assim tão cedo e tem aqueles que não chegam a descobrir nunca.

Sabe, quando eu li a Ed. 50 confesso que eu fiquei decepcionada por ver a Mônica como dona de casa servindo a janta pro marido. Nada contra a mulher gostar de cozinhar para o marido e tals, mas nessa história eles apenas repetiram um modelo convencional de marido provedor e mulher dona de casa que na minha opinião ficou muito clichê. Sem falar que muitos fãs devem esperar um futuro grandioso para a Mônica. 

E também a situação ficou irreal demais para o meu gosto. Peraí... mulher esperando o marido com jantar requintado de camarão na moranga, mousse de chocolate e vinho branco safra n. 63? Oi? Ficou parecendo até comercial de margarina.

Tá, tá. Não é meu objetivo fazer nenhuma análise da Ed. 50, isso já foi feito. O que eu quero dizer é que apesar de não ter nada contra a mulher que quer ser só dona de casa, eu apenas acho que a Mônica não me parece ter esse perfil por causa da sua personalidade mais independente.

Quanto a capa, digamos que não é a mais bonita de todas, mas gostei de terem colocado no desenho da Mônica elementos de profissões mais intelectuais como medicina, arquitetura (ou engenharia, não sei) e tem até um tablet na mão dela. Já o visual do Cebola ficou mais esportivo, o que eu não entendi muito bem já que o lance dele é mais tecnologia e similares. Mas talvez a MSP tenha feito isso para mostrar que eles irão tentar várias alternativas e coisas novas nesse tal simulador e isso pode incluir até profissões que nunca tinham pensado antes em seguir.

Agora, eu só acho que o fundo ficou assim meio sem graça. Quando eu vi essa capa pela primeira, vez, por um instante achei que fosse montagem que alguém tinha feito. Não me pareceu assim uma capa de verdade. Na minha opinião, um fundo tecnológico ilustrando o simulador e suas várias opções teria ficado mais legal. Minha opinião, claro, já que não entendo dessas coisas de composição de capas. Ou pelo menos o fundo poderia ter ficado um pouquinho só colorido, já que o branco dá sensação de vazio.

Na sinopse eles falam de um simulador. Talvez seja algo bem moderno que simule alguma realidade onde eles aparecem experimentando cada profissão diferente. Coisa de HQ mesmo, né? Até que seria legal se existisse algo assim. Eu teria adorado experimentar e aposto que ajudaria muita gente.

Imagino que ela vai tentar várias profissões, gostar de algumas, odiar outras e a vida vai seguir. Fora isso acho que não tenho muitos palpites para essa história. Só que fica a pergunta: ela irá mesmo decidir qual vai ser a sua profissão ou a história irá terminar com ela não decidindo nada e adiando essa escolha para mais tarde alegando que agora tem que aproveitar a juventude, blábláblá etc e tal? O jeito é esperar para ver.

Para finalizar, eu tenho que avisar que nesse mês não vai ter desenho. Antes, eu fazia o desenho no papel, tirava foto com uma câmera digital e o resto era no photoshop. Como falei antes, minha câmera quebrou. Sem ela, não dá pra fotografar os desenhos e eu não consegui fazer a mesma coisa com o meu celular. A imagem fica muito ruim, tremida e a nitidez não é boa.

Claro que se tiver alguma imagem legal na revista que dê para eu refazer as linhas e colorir, farei isso. Senão, acho que vou ficar devendo. Se bem que eu não consigo enxergar muitas possibilidades para a edição desse mês. Quer dizer, que tipo de desenho eu faria? Só se for com a Mônica usando roupas de várias profissões, o que ficaria meio chato. 

3 comentários:

  1. Eu amo suas criticas. Continuo sendo sua fã, eu também ja vi a quarta capa. Até tenho no meu computador, com uma mulher loira e tal, bom não vou falar mais nada. Só sei que as capas estão muito lindas mesmo. Amei essa critica. Tchau

    ResponderExcluir
  2. Seu blog e suas críticas são demais!!! Eu gostava muito de tmj mas as edições atuais nem dão gosto de comprar,e suas criticas mostram que a revista não é essa perfeição que dizem,mas são muito construtivas,seria legal se alguém da MSP lesse.

    ResponderExcluir
  3. Gosto bastante das suas criticas, e acho que TMJ já foi bem melhor...estas edições atuais tão chatas :s

    ResponderExcluir