Top 15 estilosos ~ TMJ do meu jeitoTMJ do Meu Jeito

domingo, 1 de maio de 2016

Top 15 estilosos

Foi um tanto difícil e precisei da ajuda dos leitores, mas consegui selecionar os 15 rapazes mais bem vestidos da TMJ. .

15

Cebola, TMJ#69 – A decisão

Não é muito extraordinário, mas escolhi essa porque achei que os traços do Cebola ficaram bonitos e eu adorei essa estampa do Bidu. Além do mais, o corpo dele parece mais de um rapaz, bem melhor do que aquela coisa "quadrada" que a gente via nas primeiras edições da TMJ.

Para quem quiser reler a crítica, Ed. #69 - A decisão: Críticas
14

Titi, TMJ#5 – As aventuras do dia a dia

Dá para ver que preocuparam em fazer as roupas dos rapazes, não só as do Titi. E eu gosto de calça com estampa camuflagem e sempre achei legal essas correntes nos bolsos. Quando era mais nova, já usei algo assim, só que na época a mora era usar aqueles plásticos que vinham dentro das tampas de garrafas pet. Na época, dava para tirar esse plástico, remover a parte central dele e só ficava um anel que a gente tecia até virar uma corrente. Era top na época.
13

Tikara, TMJ#49 – Bem vindos ao Japão

O Tikara não costuma aparecer muitas vezes, mas pelo menos nessa ele apareceu bem vestido. A jaqueta combinou com as botas e foi legal terem colocado um brinco na orelha dele também.
Para quem quiser reler a crítica, Ed. #49 - Bem vindos ao Japão: Críticas

12

Franja, TMJ#6 - O brilho de um pulsar, parte 1

Ele pode ser nerd, mas pelo menos sabe se vestir bem. Aqui também vemos que houve cuidado ao fazer as roupas do Franja. Vocês sabem, detalhes, algo bonito de usar e que não pareça ter sido feito para andar dentro de casa.
11

Ângelo, TMJ#46 - Amor de anjo

Um visual simples, mas as asas dão um toque fashion a mais. O visual do Ângelo mudou bastante desde que ele cresceu e eu gosto das botas. Sem falar da pose despojada, livre, coisa de quem pode voar por aí numa boa.
Para quem quiser reler a crítica, Ed. #46 - Amor de anjo: Críticas
10

Quim, TMJ#19 – Surge uma estrela, parte final

Geralmente as roupas do Quim são sem graça, mas eu gostei dessa mudança que ele fez no visual apesar de a Magali não ter curtido muito. Pelo menos foi ousado, mais descolado e até reduziu um pouquinho a silhueta.
9

Toni, TMJ#9 – O príncipe perfeito

Como não mencionar o Toni quando ele apare pela primeira vez na ed. 9 com aquela pose de bonzinho, perfeitinho, Gary Stu? Ah, uma pena ele ser tão Zé ruela. E diferente dos outros rapazes nessa mesma edição, o desenho do Toni ficou mais natural e menos "quadrado".

Para quem quiser reler a crítica, Nostalgia: Ed. 09 - O príncipe perfeito
8

DC, TMJ#27 – O aniversário de 15 anos da Marina, parte 2

Bonitão, apareceu quando a Mônica mais precisava e ainda deixou o Cebola com cara de bobo. Uma pena as garotas terem cortado o climinha bom que estava se formando entre eles.
7

Felipe, TMJ#25 – Desafio sobre patins

O visual dele parece bastante com o do Ikki, de Air Gear. Eu escolhi esse por causa dos acessórios (coisa meio rara nos rapazes) e também porque acho meio chato a MSP ficar colocando novos personagens nas revistas para quase nunca serem usados.
6

Cascão alternativo, TMJ#37 – Um mundo diferente

Confesso que gostei muito mais do visual dele que do Cascão original. Quer dizer, acho que fica mais a cara do Cascão mesmo. Bem descolado, coisa de adolescente. E adorei essa jaqueta.
5

Cascão, TMJ#91 – A torre inversa, parte 2

O visual dele também ficou muito bom aqui. Sabe, as vezes percebo que há um certo desleixo no desenho dos rapazes, não sei explicar direito. É como se eles ficassem meio “quadrados”, com um corpo desajeitado. Não sei se estou me expressando direito. Foi por isso que escolhi esse desenho do Cascão, porque achei bonito, cheio de atitude e com um desenho mais solto, com ação e movimento.

Para quem quiser reler a crítica, TMJ#91 - A Torre Inversa, parte 2: Críticas
4

Ivan, TMJ#89 – Sangue fresco

Nas palavras da Denise: "Saca só esse boy magia. Exemplar digno de pura perfeição nórdica." Preciso falar mais? Pois é. Uma pena ele ser um vampiro velho, enrugado e horroroso.

Para quem quiser reler a crítica, TMJ#89: Sangue Fresco - Críticas
3

DC, TMJ#83 – Herdeiros da Terra, parte 1

Não é só pela camisa que deixa os braços definidos a mostra, mas também pela pose, naturalidade e também porque vemos aqui o estilo do DC bem representado, saindo um pouco do visual que sempre vemos nas outras revistas. E o A de anarquia combina muito bem com a personalidade dele.

Para quem quiser reler a crítica, TMJ#83: Herdeiros da Terra - Críticas
2

Xavecão, TMJ#78 – Festa na praia

Eu também acho que ele se veste bem melhor. E vocês?

Para quem quiser reler a crítica, TMJ#78: Férias na praia - Críticas
1

Vitor, TMJ#85 – A estranha história de Sarah

Ele merece o primeiro lugar porque sua roupa é linda, elegante, diferente e única. Tem personalidade e mesmo sendo de uma época antiga, é bem atual e dá para usá-la hoje em dia ainda que atraia alguns olhares. É um estilo mais puxado para o vitoriano, que eu gosto bastante, e destaca bastante dos outros rapazes que mesmo estando bem vestidos, usam coisas banais em sua maioria.

Para quem quiser reler a crítica, TMJ#85: A estranha história de Sarah - Críticas

0 comentários:

Postar um comentário